Ir para a Home
Segunda-Feira, 22 de Abril de 2024

“Aumento da gasolina nunca foi culpa do Estado”, diz Caiado nas redes sociais 



“Aumento da gasolina nunca foi culpa do Estado”, diz Caiado nas redes sociais 

 O governador Ronaldo Caiado (DEM) iniciou a semana fazendo esclarecimentos quanto ao ICMS dos combustíveis, em Goiás. Por meio das redes sociais, ele afirmou que “o aumento da gasolina nunca foi culpa do Estado”, pois o reajuste vem da Petrobras.

 

Caiado ainda afirma que a alíquota cobrada em Goiás é a mesma desde 2016. “O imposto é o mesmo do ano passado, por exemplo, em que a gasolina custava até menos de R$ 4,00.”, disse. O governador ainda relata que, somente neste ano, “a Petrobras já subiu em mais de 51% os combustíveis no País.”.

 

De acordo com a Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP), Goiânia está entre as capitais com a gasolina mais cara do país, pois o valor do litro já chega a R$ 6,67 em alguns postos. O valor pode ser ainda mais alto em outras regiões do Estado, como Nordeste e Noroeste, onde o valor do litro chega a cerca de R$ 6,89.

 

Veja na íntegra: 

 

"Para começar a semana é bom esclarecer mais uma vez sobre o ICMS dos combustíveis. A alíquota que é cobrada em Goiás é a mesma desde 2016. Não fizemos nenhum reajuste. O imposto é o mesmo do ano passado, por exemplo, em que a gasolina custava até menos de R$ 4,00.

 

O ICMS do álcool de Goiás é o 5º mais barato. O aumento da gasolina nunca foi culpa do Estado, porque o reajuste é feito pela Petrobrás, seguindo o valor do dólar. Só neste ano, a Petrobrás já subiu em mais de 51% os combustíveis no País. Enquanto for assim, o preço vai subir.

 

A gestão anterior afirmava que as contas estavam em ordem e o Estado bem administrado. Mas a realidade que encontramos foi bem diferente: uma dívida consolidada de quase R$ 20 bilhões. Não tivemos alternativa a não ser trabalhar para cobrir o rombo deixado nos cofres públicos.

 

Para o Estado continuar funcionando tivemos que arcar, de imediato, com uma dívida de R$ 7 bilhões que incluía folha de pagamento atrasada e custeios básicos da máquina pública assim que assumi a gestão. E aí foi preciso reduzir gastos e buscar alternativas de recuperação fiscal."... (Continua no site)

 

Foto: Ruy Baron/ Agência o Globo

 

Fonte: Dia Online




NOTÍCIAS RELACIONADAS

POLÍTICA Vereadores de Alto Horizonte solicitam por Entrega Imediata de Casas Populares do Programa Morar com Dignidade Os vereadores de Alto Horizonte estão empenhados em garantir a entrega rápida das casas populares construídas pelo Programa Morar com Dignidade da prefeitura. Em uma reunião realizada na última quinta-feira (18/04)
POLÍTICA Prefeitura de Santa Terezinha Fortalece Agricultura Familiar com Entrega de Tratores e Sementes BENEFICIO - Ontem (15), a Prefeitura de Santa Terezinha realizou uma importante ação em prol dos pequenos produtores rurais do município.
POLÍTICA Geneir Patriota Apresenta Aurissandra Gomes como Pré-Candidata a Vereadora em Bonópolis Em um movimento estratégico para consolidar sua base eleitoral, o pré-candidato a prefeito de Bonópolis, Geneir Patriota, anunciou neste domingo (14/04) a ex-primeira dama Aurissandra Gomes
EDIÇÃO IMPRESSA
COLUNISTAS E ARTICULISTAS


EXPEDIENTE
(62) 98310-3817 Redação
(62)99819-1345 Colunas
contato@imprensadocerrado.com.br

Praça Inácio José Campos Qd. 15-S - Centro.
CEP: 76.510-000 - Crixás - Goiás