Ir para a Home
Sexta-Feira, 19 de Agosto de 2022

STF manda soltar Alexandre Baldy



STF manda soltar Alexandre Baldy

Ministro Gilmar Mendes acatou pedido da defesa e em decisão liminar soltou o secretário licenciado de Transportes Metropolitanos de São Paulo


Decisão liminar do ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Gilmar Mendes mandou soltar o secretário de Transportes de São Paulo, Alexandre Baldy (PP). Ele estava preso desde esta quinta-feira, 6, por decisão do juiz Marcelo Bretas, da 7ª Vara Federal Criminal do Rio de Janeiro.

“Ante o exposto, defiro o pedido liminar para suspender a ordem de prisão temporária decretada em relação ao reclamante. Expeça-se alvará de soltura. Comunique-se com urgência. Determine-se vista dos autos à PGR”, decidiu Gilmar Mendes.


A defesa de Alexandre Baldy tinha protocolado na tarde desta sexta-feira, 7, uma reclamação no Supremo Tribunal Federal (STF) contra a decisão do juiz federal Marcelo Bretas, responsável pela operação, no Rio de Janeiro, que levou à sua prisão temporária A ação foi parte da Operação Dardanários, desdobramento da Lava Jato.


Segundo informações, os advogados do secretário estadual licenciado de Transportes Metropolitanos de São Paulo considerariam a prisão “arbitrária”. Os advogados teriam informado que o teor da reclamação não pode ser divulgado.


Nota Oficial da Defesa de Alexandre Baldy

A decisão sanou uma injustiça brutal. Não há um indicio de atos ilícitos praticados por Alexandre Baldy. Os valores apreendidos em sua residência estavam declarados no imposto de renda, como todos os seus bens. Fez-se um espetáculo sobre o nada. O Supremo colocou as coisas em seu devido lugar, cumprindo seu papel de guardião da Constituição e da dignidade humana.

Advogados Pierpaolo Bottini, Alexandre Jobim e Tiago Rocha


Fonte e Foto: Jornal Opção 




NOTÍCIAS RELACIONADAS

JUSTIÇA Mineradora terá de pagar mais de 1,5 mil exames após rio ser contaminado e população passar mal em Campos Verdes, diz decisão Juiz determina ainda que mineradora deve apresentar as providências adotadas sobre a segurança da barragem de rejeitos. Moradores relatam dores de cabeça, febre e doenças gastrointestinais.
JUSTIÇA MPGO denuncia policial que aplicou golpe em colegas da ROTAM e causou prejuízos de mais de R$ 1 milhão ACUSAÇÃO - O Ministério Público de Goiás (MPGO) ofereceu nesta sexta-feira (29/7) denúncia contra o cabo da polícia militar Francisco de Assis Jesus dos Santos Soares de Oliveira.
JUSTIÇA Mundo Novo paga 4 vezes mais por show sertanejo Prefeitura da cidade pagou R$ 118 mil pela apresentação da dupla PH e Michel no dia 10 de junho; um mês atrás, o valor médio pago por outras cidades do interior do estado era de R$ 30 mil
EDIÇÃO IMPRESSA
COLUNISTAS E ARTICULISTAS


EXPEDIENTE
(62) 98310-3817 Redação
(62)99819-1345 Colunas
contato@imprensadocerrado.com.br

Praça Inácio José Campos Qd. 15-S - Centro.
CEP: 76.510-000 - Crixás - Goiás